Toledo é o presidente mais bem pago da AL

Um levantamento feito pela revista peruana Caretas, publicado na edição que começou a circular hoje, demonstra que Alejandro Toledo - cujo currículo inclui cursos em universidades americanas como as de Stanford e Harvard e atividades de consultoria para organismos como o Banco Mundial e a ONU - é o presidente mais bem pago da América Latina. Ele recebe o equivalente a US$ 18 mil por mês.Além de estabelecer a comparação entre os vencimentos de Toledo com os de outros presidentes latino-americanos, a revista também compara o salário presidencial com o de outros funcionários públicos peruanos. Um professor peruano ganha em média US$ 170 mensais. Um policial, US$ 290, e um magistrado federal, entre US$ 1.000 e US$ 3.700. O salário mensal dos deputados peruanos é de US$ 9.100.Entre os presidentes, o chileno Ricardo Lagos é o que ganha menos na América Latina, com US$ 2.600 por mês. O mexicano Vicente Fox recebe cerca de US$ 11.700, o colombiano Andrés Pastrana, US$ 6.665, e o argentino Fernando de la Rúa, US$ 3.500. Fernando Henrique Cardoso ganha R$ 10.800, ou o equivalente a US$ 4.180, mensais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.