Toque de recolher em Bagdá será suspenso nesta segunda

O governo iraquiano anunciou que vai suspender nesta segunda-feira o toque de recolher em Bagdá imposto na última quinta-feira para evitar represálias contra os sunitas, após os atentados registrados no bairro xiita Cuidai Sadr que causaram 200 mortes. Segundo anunciou na noite deste sábado o porta-voz do governo iraquiano, Ali al-Dabbagh, a proibição ao trânsito na capital iraquiana se mantém neste domingo, assim como o fechamento do aeroporto internacional de Bagdá. Segundo o porta-voz do Governo, o primeiro-ministro iraquiano, o xiita Nouri al-Maliki, ordenou o reforço da presença de forças de segurança em Bagdá por temor que a violência continue. No último sábado, após duas sangrentas jornadas em Bagdá, a violência se transferiu à província de Diyala, ao nordeste da capital, transformada em novo centro de operações da insurgência iraquiana. Nesta região, forças iraquianas apoiadas por soldados americanos mataram 36 insurgentes em enfrentamentos registrados na cidade de Baquba, 65 quilômetros ao nordeste de Bagdá, segundo informaram fontes policiais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.