Torcedores egípcios criam partido político

Trocando a rivalidade esportiva pelo objetivo comum de ter voz política, torcedores querem se beneficiar da crescente liberdade política no país.

BBC Brasil, BBC

06 de janeiro de 2012 | 12h36

Torcedores egípcios, os chamados "ultras", estão trocando a rivalidade esportiva por um objetivo comum: influenciar a política de seu país.

Eles fundaram o partido político Beladi, que quer dizer meu país, para difundir o crescente espírito de liberdade política no Egito.

A idéia nasceu depois que as torcidas organizadas conseguiram traduzir as táticas de rivalidade esportiva para a revolução urbana.

Mas em alguns protestos recentes, os ultras foram acusados de incentivar a violência entre os manifestantes e as forças de segurança, e até de combater a polícia. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.