Trabalho de solda é confundido com incêndio no WTC

Dezenas de bombeiros da cidade de Nova York foram enviados na manhã desta quarta-feira para o local onde está sendo reconstruído o World Trade Center, região sul da cidade, depois que uma pessoa confundiu a luz produzida por um aparelho de solda com um incêndio.

AE, Agência Estado

08 de agosto de 2012 | 12h57

Relatos iniciais do Corpo de Bombeiros de Nova York indicavam a existência de um pequeno incêndio no 88º andar do "One World Trade Center", edifício que é o centro do projeto que vai substituir as Torres Gêmeas, destruídas em 11 de setembro de 2001.

Um porta-voz dos bombeiros havia dito à agência France Presse que havia um incêndio no prédio de 104 andares, mas que ele havia sido controlado em menos de uma hora.

Posteriormente, o Corpo de Bombeiros diminuiu a importância do incidente, afirmando que 84 bombeiros haviam sido enviados ao prédio em construção porque uma pessoa havia informado ter visto fogo no local. Mas, na verdade, não havia incêndio.

O incidente aconteceu numa área onde os trabalhadores soldam aço e o que a pessoa viu deve ter sido "um flash" ou outra luz produzida pelas máquinas de solda, disse o porta-voz. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAWTCincêndiosolda

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.