Tráfego de ligações para os EUA é 15 vezes maior

A Intelig informou que o tráfego de ligações para os Estados Unidos foi hoje 15 vezes maior que o normal. Em função disso, o índice de completamento de chamadas caiu dos habituais 60% para 27%. O congestionamento dos circuitos internacionais e da própria rede norte-americana também foram determinantes para a queda no completamento das ligações, informou hoje a empresa. De acordo com o comunicado, a Intelig implantou um esquema de emergência encaminhando o tráfego dos Estados Unidos para rotas alternativas possíveis, como Europa e Japão.Pela manhã, em apenas três horas, a Intelig realizou um volume de ligações equivalente ao tráfego de dois dias. Tendo em vista a gravidade dos fatos ocorridos naquele país, a Intelig assegura ter assumido um risco técnico controlado, permitindo que suas centrais operassem a 77% da capacidade total de processamento, índice que é muito próximo da capacidade teoricamente máxima de 80%, quando as centrais entram em processo de saturação.A empresa recomenda aos clientes que, caso não consigam completar uma ligação para os Estados Unidos, não tentem imediatamente uma nova conexão, aguardando alguns minutos antes da próxima tentativa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.