Traficante israelense é eleita miss em prisão peruana

Uma ruiva israelense de 20 anos, presa por tráfico de drogas, venceu o concurso de beleza "Miss Primavera", que é realizado anualmente na penitenciária feminina de Santa Mónica, onde encontram-se detidas várias estrangeiras. Lee Hefegtz foi considerada hoje a mais bonita entre 14 outras candidatas: latino-americanas, européias e uma asiática. Todas foram detidas no aeroporto internacional Jorge Chávez de Lima, quando pretendiam ingressar ou sair do Peru com drogas. Além da beleza, as candidatas tinham que mostrar também habilidades artísticas, personalidade e desenvoltura na passarela. O concurso é realizado há 10 anos na Penitenciária de Mulheres de Santa Mónica, no bairro limenho de Chorrilos, que alberga quase 1.000 internas, das quais 138 são estrangeiras.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.