Traficante mais poderoso do México é preso

Um homem acusado de ser o narcotraficante mais poderoso do México, Osiel Cárdenas, de 35 anos, foi detido hoje na cidade fronteiriça de Matamoros, no Estado de Tamaulipas. Segundo a Secretaria de Defesa do México, Cárdenas foi preso durante um tiroteio, no qual dois soldados ficaram feridos.De acordo com o secretário de Defesa mexicano, general Gerardo Vega García, cerca de 300 pessoas haviam sido contratadas para proteger Cárdenas. A detenção ocorreu depois de seis meses de investigações.O general afirmou que Cárdenas será julgado primeiro no México por narcotráfico, homicídio e porte ilegal de armas. Depois, poderia ser extraditado para os Estados Unidos para responder acusações de contrabando de drogas, lavagem de dinheiro e assassinatos. O FBI (a polícia federal americana) oferece uma recompensa de US$ 2 milhões por Cárdenas.O Cartel do Golfo, que opera no noroeste mexicano, foi o mais poderoso dos situados próximos à fronteira entre o México e os Estados Unidos até 1996, quando o então líder Juan García Abrego foi sentenciado em Houston, Texas, a 11 anos de prisão por contrabando de narcóticos.Oficiais mexicanos acreditam que Cárdenas tenha fortalecido recentemente a organização ao se aliar com Vicente Carrillo Fuentes, suposto líder do Cartel de Juárez, que opera na cidade de mesmo nome.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.