Trégua em Gaza é estendida por 5 dias, dizem palestinos

Israel e as facções palestinas concordaram nesta quarta-feira em estender a atual trégua por mais cinco dias para permitir que cheguem a um acordo duradouro para acabar com o conflito na Faixa de Gaza, afirmou o chefe da delegação palestina.

REUTERS

13 de agosto de 2014 | 18h40

Azzam Ahmed disse a jornalistas depois de um dia de negociações intensas mediadas pela inteligência egípcia no Cairo que os palestinos esperavam chegar a um acordo final nas próximas semanas, com o apoio árabe e internacional.

Falando depois que uma trégua de 72 horas acabou, Ahmed disse que o acordo tinha sido alcançado em muitas questões, mas alguns pontos críticos fundamentais permaneciam, como temas de segurança e o fim do bloqueio a Gaza. Ele se recusou a dar mais detalhes.

Ahmed disse que a exigência de Israel para que Gaza fosse desarmada após a guerra de um mês não havia sido discutida.

Uma equipe palestina espera ir a Ramallah em breve para consultar o presidente palestino, Mahmoud Abbas, antes de retornar ao Egito para concluir o processo.

(Reportagem de Stephen Kalin)

Tudo o que sabemos sobre:
EGITOISRAELGAZA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.