Trem com corpos de vítimas de avião chega a Carcóvia

Cidade é controlada pelo governo ucraniano; trem tem como destino a Holanda, país de origem de 193 vítimas

Agência Estado

22 Julho 2014 | 08h13

O trem refrigerado carregando os restos mortais das vítimas do desastre com o voo MH17 da Malaysia Airlines chegou à cidade ucraniana de Carcóvia nesta terça-feira, no caminho para a Holanda, uma viagem que tem sido dolorosamente lenta para os parentes das vítimas.

Um repórter da Associated Press relatou ter visto o trem parar na estação em Carcóvia, cidade controlada pelo governo ucraniano, onde autoridades do país estabeleceram o centro de investigação sobre a queda.

Dos 298 mortos, 193 eram holandeses. "Vamos fazer o nosso melhor" para enviar os corpos à Holanda ainda hoje, disse Oleksander Kharchenko, porta-voz da comissão estatal sobre o incidente. A Ucrânia concordou em mandar os restos mortais de todas as vítimas para território holandês para identificação e investigação forense.

O trem parou durante a noite na cidade de Donetsk, onde insurgentes enfrentam o governo, mas saiu do local por volta das 3h (horário local), disse o ministério de serviços de emergência ucraniano.

Em Bruxelas, os ministros das Relações Exteriores da União Europeia estão reunidos para decidir como reagir ao desastre. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Ucrânia aAvião restos mortais Carcóvia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.