Arte/estadão.com.br
Arte/estadão.com.br

Tremor de 7,6 graus na Costa Rica deixa dois mortos

Esse foi o maior terremoto a atingir a Costa Rica desde 1991, quando houve um tremor de 7,1

Reuters,

05 de setembro de 2012 | 12h00

Texto atualizado às 16h55

SAN JOSÉ - Um forte terremoto de magnitude 7,6 atingiu nesta quarta-feira, 5, a Costa Rica, sacudindo prédios, cortando o fornecimento de energia em algumas áreas da capital San José e provocando um alerta de tsunami. Duas pessoas morreram, uma delas em consequência de um ataque cardíaco, segundo a Cruz Vermelha.

Moradores de San José afirmaram que os telefones ficaram mudos e postes de eletricidade balançaram nas ruas. A mídia local disse que feridos estavam sendo atendidos em hospitais. "Foi terrível. Eu estava no terceiro andar. Nunca senti nada assim", disse Stephanie González, um estudante de mestrado de 25 anos que vive na capital.

O porta-voz da Cruz Vermelha na Costa Rica, Freddy Roman, disse que uma pessoa morreu em consequência de um ataque cardíaco durante o tremor. Ele não tinha detalhes sobre a morte da outra pessoa. Segundo a mídia local, seria um homem atingido por detritos.

A presidente do país, Laura Chinchilla, disse que não houve danos estruturais graves a edificações, mas alguns hotéis na costa oeste, no oceano Pacífico, ficaram danificados, segundo moradores. O epicentro do tremor foi na costa oeste da Costa Rica, a cerca de 140 quilômetros de San José, de acordo com o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS).

O terremoto foi sentido até em Manágua, na capital da vizinha Nicarágua. "As pessoas estão muito assustadas e ficando em casa", disse Eliecer González, diretor comercial de um jornal local na região de Guancaste, na costa do Pacífico. "Estamos bastante isolados e não temos energia."

O Centro de Alertas de Tsunami do Pacífico emitiu um alerta para o litoral da Costa Rica, Nicarágua e Panamá, que foi cancelado posteriormente. Mais cedo, o centro tinha emitido o alerta para toda a extensão da costa do México até o Peru.

Esse foi o maior terremoto a atingir a Costa Rica desde 1991, quando um tremor de magnitude 7,1 deixou 47 pessoas mortas. Mais recentemente, 40 pessoas morreram em consequência de um terremoto de magnitude 6,1, em 2009.

Tudo o que sabemos sobre:
terremototsunamiCosta RicaCariba

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.