Shamil Zumatov/ AFP
Shamil Zumatov/ AFP

Três astronautas regressam para a Terra após 197 dias no espaço

Aterrisagem da Soyuz MS-09, com tripulantes que estavam na Estação Espacial Internacional, aconteceu no Cazaquistão

Redação*, O Estado de S.Paulo

20 Dezembro 2018 | 04h55

MOSCOU – A nave Soyuz MS-09 desembarcou na cidade de Dzhezkazgan, no Cazaquistão,  nesta quinta-feira, 20, com três astronautas que estavam na Estação Espacial Internacional. Entre os tripulantes que voltaram para a Terra estão um russo, um alemão e uma norte-americana.

"A aterrissagem ocorreu [...] A tripulação da nave Soyuz MS-09 retornou sem incidentes à Terra após 197 dias" no espaço, disse a agência espacial russa Roscosmos pelo Twitter.

De acordo com a agência espacial, o pouso foi realizado pouco antes do horário aguardado, às 8h02 de Moscou (3h02 no horário de Brasília).

A nave transportava o alemão Alexander Gerst, da Agência Espacial Europeia (ESA); a norte-americana Serena Auñón-Chancellor, da Agência Aeroespacial dos Estados Unidos (Nasa); e o russo Sergei Prokopiev, da Roscosmos.

"A tripulação se sente bem depois de seu retorno à Terra", disse Roscosmos.

O denso nevoeiro que cobria a região do pouso no Cazaquistão impediu que as páginas das agências espaciais transmitissem a aterrissagem dos astronautas. \ AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.