Três ataques contra casas de cristãos deixam pelo menos 2 mortos em Bagdá

Pelo menos três casas de cristãos foram atacadas em Bagdá, no Iraque, na noite de ontem. Pelo menos duas pessoas morreram. Na ação mais grave, militantes jogaram duas granadas dentro de uma residência - além dos dois que morreram, cinco ficaram feridos. No leste da cidade, dois cristãos ficaram feridos depois que uma granada foi arremessada contra uma casa. Outro se feriu quando uma bomba explodiu em frente de sua residência, no oeste de Bagdá. Um motorista que passava pelo local também ficou ferido. Em outubro, pelo menos 68 pessoas morreram em um ataque durante uma missa em uma igreja. Semana passada, a Al-Qaeda ameaçou realizar novos ataques contra cristãos. A Iraq Body Count anunciou ontem que em 2010 houve 4 mil mortes no país - 15% menos que 2009.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.