Três integrantes do Hamas são atacados na Cisjordânia

Em uma nova onda de violência sectária, homens armados atacaram três integrantes do Hamas, incluindo dois membros do governo palestino, entre a noite desta quarta-feira e a madrugada de quinta, na Cisjordânia.Em um dos ataques, homens armados atearam fogo ao carro do ministro para Assuntos de Prisioneiros da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Wasfi Kabaha, segundo relatos de funcionários palestinos.Também nesta quinta-feira, na aldeia rural de Yaba, homens encapuzados atiraram contra o líder religiosos e ativista do Hamas Nasser al-Auna, quando ele deixava uma mesquita local. Após o ataque, Auna não ficou ferido.Na noite de quarta-feira, o vice-ministro da Saúde da ANP, Bashar Karmi foi seqüestrado em El Bireh, no distrito de Ramala, na Cisjordânia. Fontes palestinas disseram que ele teria sido libertado, mas a informação não foi confirmada.Até o momento, nenhuma facção assumiu a autoria dos três atentados. No entanto, os ataques aos integrantes do Hamas ocorreram um dia após a morte de quatro militantes leais ao presidente da ANP, Mahmoud Abbas, na Faixa de Gaza.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.