Três manifestantes morrem perto de embaixada dos EUA no Sudão

Três pessoas morreram nesta sexta-feira durante um protesto contra um filme anti-Islã do lado de fora da embaixada dos Estados Unidos no Sudão, informou a rádio estatal sudanesa.

Reuters

14 de setembro de 2012 | 17h36

A emissora não deu mais detalhes.

A polícia lançou gás lacrimogêneo e usou bastões para tentar dispersar milhares de manifestantes que buscavam invadir a embaixada nos arredores de Cartum. Alguns deles conseguiram entrar brevemente no prédio da embaixada.

A fúria sobre um filme que insulta o profeta Maomé se espalhou pelo Oriente Médio nesta sexta-feira, com manifestantes atacando embaixadas dos EUA e queimando bandeiras norte-americanas em vários países, enquanto a segurança foi reforçada.

(Reportagem de Ulf Laessing)

Tudo o que sabemos sobre:
SUDAOMORTESPROTESTOS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.