Três milhões de refugiados retornam ao Afeganistão

Três milhões de refugiados afegãos járetornaram ao país desde que a Organização das Nações Unidas(ONU) iniciou, no ano passado um programa de repatriação,informou neste domingo, em Cabul, o Alto Comissariado da ONUpara Refugiados (Acnur). Apenas este ano, 462.000 pessoas aceitaram ajuda do Acnur eretornaram ao Afeganistão. A maioria dos refugiados eraproveniente do Paquistão e do Irã, disse Maki Shinohara,porta-voz da entidade. Milhões de afegãos refugiaram-se em países vizinhos desde aguerra contra as forças soviéticas de ocupação, na década de 80.Outros fugiram em meados da década de 90 e, mais tarde, duranteos ataques americanos contra o deposto regime fundamentalistaislâmico do Taleban. Desde março de 2002, 2,2 milhões de pessoas retornaram aoAfeganistão apenas com ajuda da ONU. Trata-se do maior programado tipo já organizado pela entidade em todo o mundo. Levando em conta refugiados que não buscaram auxílio daentidade, o número sobe para 3 milhões de pessoas de volta à suaterra natal, concluiu o porta-voz.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.