Três militares morrem no México após ataque contra helicóptero

Equipe realizava reconhecimentos aéreos quando foi atacada por homens armados no Estado de Jalisco

O Estado de S. Paulo

01 de maio de 2015 | 16h16

CIDADE DO MÉXICO - Três militares morreram nesta sexta-feira, 1, no Estado de Jalisco, no México, após o helicóptero em que estavam ser atacado por um grupo armado. Outros três militares estão desaparecidos.

A Secretaria da Defesa Nacional informou em comunicado que, durante reconhecimentos aéreos, tropas militares localizaram um grupo de veículos com pessoas armadas sobre a rota Casimiro Castillo-Villa Purificación, em Jalisco. Os homens atacaram os soldados com tiros de armas de fogo.

Os disparos atingiram o helicóptero Cougar e os militares precisaram fazer um pouso de emergência. Três militares morreram, 10 ficaram feridos. Além disso, três militares "ainda não foram localizados", acrescentou a nota.

Os militares e os agentes da polícia federal estão protegendo o local e continuam com os reconhecimentos na área. Até essa tarde, foram localizados quatro veículos abandonados pelos criminosos.

Esta sexta-feira está sendo um dia especialmente violento em Jalisco, onde pelo menos um policial e vários criminosos morreram nos bloqueios que traficantes estão realizando em pelo menos 20 pontos do estado. /EFE

Tudo o que sabemos sobre:
MéxicoviolênciaJalisco

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.