Três pessoas fazem testes para ebola na Espanha

Três pessoas estão em isolamento na Espanha com a suspeita de terem sido infectadas pelo vírus ebola. Os pacientes estão realizando testes nesta quinta-feira para determinar se estão com a doença, incluindo um passageiro de um voo da Air France que foi isolado no aeroporto de Madri durante a manhã.

Estadão Conteúdo

16 de outubro de 2014 | 14h13

Entre os possíveis novos casos estão um missionário que retornou à Espanha vindo da Libéria, país atingido pela epidemia da doença, e uma pessoa que teve contato com a assistente de enfermagem Teresa Romero, que recebe tratamento contra o ebola no hospital Carlos III. Ambos sentiram febre, um dos principais sintomas da doença.

A paciente de 44 anos, por sua vez, parece estar com um estado de saúde melhor nesta quinta-feira, com o nível de ebola em seu organismo sendo reduzido, afirmou o porta-voz do Ministério da Saúde espanhol, Fernando Simon.

No voo da Air France estava um nigeriano que começou a apresentar febre e tremores, segundo informaram autoridades espanholas. Ele foi retirado do avião e encaminhado para o hospital. Os demais passageiros foram liberados após fornecerem dados pessoais e serem informados de que devem se internar no centro médico dedicado ao ebola, caso apresentem sintomas.

O avião contava com 163 passageiros e foi isolado em Madri após aterrissar, vindo de Paris. Ele foi levado a uma área especial do aeroporto para ser submetido a uma limpeza. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
ebolaEspanhatesteepidemia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.