Três pessoas morrem em confronto religioso

Três pessoas foram mortas em um confronto ocorrido em um templo sufista de Rajma, na Líbia, informou o Ministério do Interior do país. Segundo informações da BBC, frequentadores do local enfrentaram salafistas que tentavam destruir o mausoléu de Sidi al-Lafi. Muçulmanos radicais costumam ver os sufis como hereges. Ataques contra santuários dessa vertente do islamismo têm aumentado na Líbia desde o fim da insurreição armada que retirou o ditador Muamar Kadafi do poder em agosto de 2011.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.