Três soldados americanos morrem em ataques no Iraque

Polícia informa descoberta de 5 corpos nas ruas da capital com sinais de tortura

Agencia Estado

18 Junho 2007 | 14h25

Três soldados americanos morreram e um quarto ficou ferido nas últimas 24 horas em ataques em Bagdá e no norte do Iraque, informou nesta segunda-feira, 18, o comando militar dos Estados Unidos.Dois soldados da Força de Ação Rápida morreram depois que uma bomba explodiu contra um veículo em Bagdá no domingo. Outro militar sofreu ferimentos de gravidade não informada.Um quarto militar morreu em um ataque parecido na cidade de Kirkuk, 250 quilômetros ao norte de Bagdá, enquanto participava de uma "missão de combate" no domingo.As novas baixas elevam para 3.525 o número total de soldados americanos mortos desde o início da invasão do Iraque, em março de 2003.Enquanto isso, policiais informaram esta noite a morte de dois iraquianos - um oficial de inteligência e um policial - na província sunita de Salah ad-Din.O capitão Mazen Alwan morreu metralhado em Tikrit, capital da província. Já o policial, não identificado, foi morto pelo irmão, pertencente a um grupo supostamente ligado à Al-Qaeda, por não ter abandonado a corporação.A polícia informou a descoberta de cinco corpos nas ruas de Bagdá com sinais de tortura.

Mais conteúdo sobre:
IraqueBagdásoldaos mortos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.