Tribos rivais voltam a se enfrentar no Congo

Combatentes de tribos rivais entraram em choque novamente no nordeste do Congo neste sábado, um dia depois da chegada de soldados franceses que antecede o deslocamento de mais forças militares de outros países para pôr fim a meses de derramamento de sangue na região.As milícias armadas de Bunia estão armadas de fuzis de assalto lança-granadas e potentes metralhadoras.Centenas de pessoas foram obrigadas a fugir de suas casas e pelo menos quatro pessoas morreram depois de combatentes da tribo lendu terem atacado posições da União Patriótica Congolesa um grupo da tribo hema que atualmente controla a cobiçada cidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.