Tribunal condena corte de salários em Buenos Aires

O Supremo Tribunal da Província de Buenos Aires declarou "absolutamente inválido" o corte de salários dos servidores públicos provinciais, anunciado pelo governador Carlos Ruckauf. A informação é da agência Noticias Argentinas e dos jornais La Nación e Clarín, em suas edições na Internet. Ruckauf havia anunciado que reduziria em 1,9% os salários dos servidores que ganham menos de 1.000 pesos por mês; as faixas salariais mais altas sofreriam cortes de até 32,5%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.