Tribunal condena opositora a 8 anos

Taisiya Osipova, de 28 anos, opositora de Vladimir Putin, foi sentenciada ontem a 8 anos de prisão por posse de drogas. A decisão chamou a atenção por ser o dobro da pena pedida pela promotoria. Segundo Taisiya, a polícia "plantou" quatro gramas de heroína em sua casa, em 2010, porque ela se recusou a testemunhar contra o marido, Sergei Fomchenkov, membro do partido Outra Rússia. Ela foi condenada apesar de testemunhas afirmarem que viram policiais colocando a droga em seu apartamento. "O veredicto é uma vingança", disse Eduard Limonov, líder do Outra Rússia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.