Tribunal da China ordena liberação de navio japonês

O Tribunal Marítimo de Xangai liberou nesta quinta-feira uma embarcação japonesa após a Mitsui O.S.K. Lines pagar mais de US$ 28 milhões envolvendo uma disputa que remonta ao período de guerra dos anos 1930.

AE, Agência Estado

24 de abril de 2014 | 01h40

O Baosteel Emotion, pertencente à Mitsui, foi apreendido no sábado após a empresa não pagar as compensações determinadas em um processo anterior. A Mitsui foi processada por perder duas embarcações chinesas nos anos 1930.

A decisão ocorre em um momento de tensão nas relações entre Pequim e Tóquio sobre a soberania de um conjunto de ilhas no Mar do Leste da China.

O Ministério de Relações Exteriores disse que essa é uma disputa corporativo e não está relacionada a compensações de guerra. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinajapão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.