Tribunal de Israel manda soltar cinco civis libaneses

As autoridades militares israelenses entregaram à força Interina da ONU no Líbano (Finul) cinco civis libaneses, dois deles com o mesmo nome do líder do Hezbollah, Hassan Nasrallah, por ordem do Tribunal Supremo, informa nesta terça-feira o jornal "Yedioth Ahronoth".Os civis foram capturados por comandos de uma unidade de elite das Forças Armadas no início do mês, na cidade libanesa de Baalbek, como supostos milicianos do Hezbollah.Os prisioneiros, representados pela advogada israelense Lea Tsemel, alegaram que não têm nenhum vínculo com Nasrallah, e que foram tomados como reféns para serem trocados por dois soldados israelenses capturados por comandos do Hezbollah.O Tribunal concedeu 24 horas ao representante das Forças Armadas para responder às acusações. Mas as autoridades preferiram entregar os cinco civis ontem à Finul, acrescenta o jornal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.