Tomas Munita/NYT
Tomas Munita/NYT

Tribunal egípcio diz que militares não podem prendem civis

Decisão contrária emitida pelo governo no início deste mês causou alvoroço entre ativistas e políticos

26 de junho de 2012 | 11h19

CAIRO - Um tribunal egípcio suspendeu uma decisão do governo de permitir que militares e a inteligência prendessem civis.

Veja também:

linkExército egípcio ganha poderes para prender civis

linkHuman Rights Watch critica excesso de poder da Junta Militar do Egito

linkParlamento egípcio vota Assembleia Constituinte

A decisão emitida pelo governo no início deste mês causou alvoroço entre ativistas e políticos, que disseram que a medida era semelhante a impor uma lei marcial.

Um funcionário do tribunal disse que a decisão desta terça-feira, 26, suspendeu a decisão depois de reclamações de advogados. A decisão pode ser contestada pelo governo.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.