Tribunal suspende referendo sobre renúncia de Chávez

O Tribunal Supremo de Justiça da Venezuela suspendeu hoje o referendo sobre a "renúncia voluntária" do presidente Hugo Chávez, convocada pela autoridade eleitoral do país para o próximo dia 2 de fevereiro.O vice-presidente José Vicente Rangel informou aos jornalistas sobre a medida judicial e pediu "a todos os setores do país a respeitem e a acatem".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.