Tripulação do EP-3 chega aos EUA

A tripulação do avião de reconhecimento americano EP-3, retida na China durante 11 dias, voltou à base de Whidbey Island, sede da esquadrilha "VQ-1" dos EP-3, este sábado. As ruas de Oak Harbor, pequena cidade do estado de Washington, foram decoradas com bandeiras americanas, fitas amarelas e cartazes de "bem-vindos".Os 24 membros da tripulação chegaram num avião de passageiros que pousou na base naval às 15h57 local (19h57 de Brasília) e foram recebidos por dignatários locais e familiares. O comandante do avião norte-americano, o tenente da Força Aérea Shane Osborn, afirmou em uma entrevista coletiva ainda na base aérea de Hickham, no Havaí, que o culpado pelo acidente teria sido o piloto do caça F-8 chinês, por ter agido de maneira perigosa. Osborn disse acreditar que Washington não tem porque pedir desculpas à China.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.