Tropas americanas entram em Faluja

Escoltados por forças iraquianas, fuzileiros navais dos EUA chegaram ao centro da cidade Faluja, depois de semanas de cerco. Americanos em jipes e blindados dirigiram pelas ruas da cidade sunita, principal reduto da rebelião antiamericana, em um comboio acompanhado por membros da recém-formada Brigada de Faluja, que viajavam em picapes. Os americanos ficaram cerca de uma hora no centro da cidade, reunindo-se com autoridades e debatendo planos para reparar os danos causados pelos embates do mês passado, segundo o porta-voz tenente Eric Knapp.Oficiais americanos saudaram a entrada pacífica de tropas na cidade, como sinal de que Faluja está tranqüila depois que os soldados abandonaram o cerco e entregarm o controle da cidade para soldados do antigo exército iraquiano. Muitos moradores, no entanto, acreditam que a resistência em Faluja efetivamente repeliu as forças dos EUA, já que os rebeldes mantiveram suas posições até o fim.?Moradores de Faluja venceram a batalha contra a tirania americana?, disse um morador que não quis dar o nome. ?Os americanos que entraram na cidade de Faluja estavam humilhados e derrotados, com as armas abaixadas, com medo dos habitantes?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.