Tropas da ISAF matam 23 talebans em combates no Afeganistão

Tropas da Força Internacional de Assistência à Segurança (ISAF, na sigla em inglês) mataram 23 rebeldes talebans em enfrentamentos ocorridos na província de Helmand, no sul do Afeganistão.Em dois comunicados emitidos na noite de sábado, a ISAF relatou dois enfrentamentos ocorridos no sábado em Helmand. O primeiro ocorreu perto da cidade de Greshk, no distrito de Nowzad, onde um grupo de rebeldes abriu fogo contra tropas da ISAF, que, com apoio aéreo, matou 15 insurgentes sem sofrer baixas. Em outro ataque, um helicóptero de combate da ISAF exterminou oito supostos talebans no distrito de Sangin, também na província de Helmand. Helmand é uma das províncias do sul do país, junto com as de Day Kundi, Kandahar, Nimroz, Uruzgan e Zabul, em que a ISAF assumiu o controle em 31 de julho passado. A ISAF, que opera sob mando da OTAN, iniciou suas operações no Afeganistão em agosto de 2003. Na atualidade, a força multinacional conta com mais de 10 mil homens e mulheres de 37 países, membros ou não da OTAN, destacados em zonas do norte, oeste e agora do sul do país.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.