Tropas da Otan matam dois civis no Afeganistão

Soldados da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) mataram dois civis no Afeganistão hoje, após abrirem fogo contra um carro que, segundo a organização, tentou atacar uma patrulha na cidade de Kandahar, no sul do país.

AE, Agência Estado

31 Março 2011 | 13h38

A Força Internacional de Assistência para Segurança (Isaf, na sigla em inglês), da Otan, disse que os soldados atiraram depois que o veículo "fez um esforço deliberado para atingir uma patrulha da Isaf". Mas a polícia local disse que o que aconteceu foi um acidente de trânsito. "Infelizmente, dois civis foram mortos e outros dois, incluindo um afegão de 16 anos, ficaram feridos", disse o porta-voz da Isaf, major Tim James, na capital afegã, Cabul.

O vice-chefe da polícia provincial de Kandahar, Fazel Ahmad Sherzad, afirmou que um soldado da Isaf abriu fogo depois que um carro civil atingiu o veículo militar num acidente de tráfego. "Um veículo perdeu o controle depois que um de seus pneus caiu e atingiu um carro da Isaf. Os soldados da Isaf atiraram contra o carro e mataram dois pedestres", disse Sherzad, desmentindo a acusação da Otan que o motorista pretendia atacar o comboio militar. Ele disse que os quatro ocupantes do carro e três soldados da Isaf ficaram feridos no acidente. As informações são da Dow Jones.

Mais conteúdo sobre:
Afeganistão Otan mortes civis

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.