Tropas sírias bombardeiam cidade próxima a Damasco

Tropas da Síria bombardearam e entraram em confronto com rebeldes na periferia da cidade sitiada de Daraya, próxima a Damasco, capital do país, neste sábado.

AE, Agência Estado

15 de dezembro de 2012 | 13h17

De acordo com o Observatório Sírio de Direitos Humanos, a luta intensificou-se depois do envio de reforços pelo exército. Segundo o grupo de monitoramento, artilheiros encurralaram a cidade, após as tropas terem utilizado armamento pesado e lançadores de foguetes na sexta-feira.

"Este é o 28º dia que as forças criminosas de Bashad Assad tentam invadir a cidade", disseram ativistas de Daraya em comunicado, acrescentando que a cidade permanece isolada, sem comunicação e energia elétrica há 37 dias. "Por causa dos cortes de combustível, há uma necessidade urgente por suprimentos", acrescentaram.

Segundo o Observatório, 92 pessoas morreram em todo o país na sexta-feira, um terço apenas em Damasco. Lutas também ocorreram no campo palestino de Yarmuk, no sul da capital, neste sábado, entre rebeldes e tropas apoiadas pelo regime. No sul da província de Daraa, onde a revolta contra o regime nasceu há 21 meses, exército e rebeldes entraram em confronto nas cidades de Sheikh Maskin e Izraa. Vilas e cidades ficaram sob bombardeio do exército. As informações são da Dow Jones.

Mais conteúdo sobre:
Síriaconfrontorebeldes

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.