Paul Chiasson/The Canadian Press via AP)
Paul Chiasson/The Canadian Press via AP)

Trudeau conquista 2º mandato no Canadá, mas sem maioria absoluta

No último dia de campanha, o primeiro-ministro e seu rival conservador tentavam convencer os muitos eleitores indecisos e evitar um governo minoritário no país

Redação, O Estado de S.Paulo

22 de outubro de 2019 | 00h06

MONTREAL - O primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, obteve uma vantagem moderada nas eleições federais desta segunda-feira, 21. Apesar de vitória, Trudeau não alcançou a maioria absoluta de cadeiras do parlamento,  o que só lhe permite formar um governo minoritário, segundo informaram as redes de TV canadenses.

Até a madrugada desta terça-feira, com a apuração dos votos ainda em andamento, o Partido Liberal de Trudeau havia alcançado 147 cadeiras no Parlamento, 13 a menos do que o necessário para alcançar a maioria absoluta, uma vez que o Parlamento canadense tem 338 cadeiras. 

"Nesta noite, os canadenses rejeitaram a divisão e a negatividade. Rejeitaram os cortes e a austeridade. Elegeram uma agenda progressista e de ação forte sobre as mudanças climáticas", declarou Trudeau na madrugada desta terça-feira, 22.

No último dia de campanha, o primeiro-ministro e seu rival conservador, Andrew Scheer, tentavam convencer os muitos eleitores indecisos e evitar um governo minoritário no Canadá, como previam as pesquisas.

Atingido no sábado por informações da imprensa sobre o envolvimento de seu partido no financiamento de uma campanha de difamação contra um pequeno partido rival, Scheer não confirmou ou negou a notícia, o que lhe rendeu críticas por sua falta de transparência. 

Trudeau, enfraquecido por acusações de ingerência política em um caso judicial, se viu também em dificuldades semanas atrás quando foi divulgada imagem de quando era jovem com rosto pintado de preto. / AFP E AP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.