AFP/ SAUL LOEB
AFP/ SAUL LOEB

Trump está decidido a demitir seu assessor de Segurança Nacional

Fontes disseram ao 'Washington Post' que o presidente está buscando um substituto para o general McMaster

O Estado de S.Paulo

16 Março 2018 | 01h04

WASHINGTON - O presidente Donald Trump está determinado em demitier seu assessor de Segurança Nacional, o general H.R.McMaster, eme meio a rumores de outras mudanças iminentes, segundo informou nesta quinta-feira o jornal The Washington Post.

O diário, citando cinco fontes, assegurou que Trump está buscando ativamente alguém para substituir McMaster, com quem ele nunca se entendeu, mas está disposto a esperar um pouco para demiti-lo, pois não quer humilhar o general e quer garantir um substituto.

A revelação ocorre após a demissão de Rex Tillerson do cargo de secretário de Estado. Segundo o Post, essa demissão não deve ser a única, já que Trump prometeu sacudir o governo com mudanças que poderiam afetar outros postos ministeriais como o de Tillerson.

No início da semana, rumores indicavam que o atual secretário de Energia, Rick Perry, substituiria o secretário de Assuntos dos Veteranos, David Shulkin. Há semanas também se fala da saída do chefe de gabinete, Joh Kelly.

Completa a longa lista de funcionários ameados de destituição o promotor-geral Jeff Sessions, que mantém uma difícil relação com Trump há um ano por seu papel na investigação sobre a ingerência russa nas eleições de 2016.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.