Shawn Thew/EFE/EPA
Shawn Thew/EFE/EPA

Trump falará a manifestantes na cidade de Washington, que convoca Guarda Nacional

Sem provas, republicano e apoiadores irão insistir na alegação de fraude eleitoral generalizada em um protesto na capital americana no mesmo dia em que Congresso deve validar vitória de Joe Biden

Redação, O Estado de S.Paulo

05 de janeiro de 2021 | 14h38

WASHINGTON - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, confirmou que falará em uma manifestação em Washington nesta quarta-feira, 5, convocada por seus apoiadores, para protestar contra a certificação no Congresso dos resultados das eleições presidenciais de 2020.

"Vou falar no SAVE AMERICA RALLY (Protesto Salvem a América, na tradução livre) amanhã (terça-feira)", tuitou o presidente, que se recusa a aceitar a derrota para o democrata Joe Biden nas eleições de 3 de novembro.

Preparando-se para uma possível escalada da violência, a prefeitura de Washington mobilizou a Guarda Nacional.

Os apoiadores de Trump planejam se manifestar buscando reforçar as alegações não comprovadas do presidente de fraude eleitoral generalizada.

"Há pessoas que pretendem vir armadas para a nossa cidade", disse o chefe de polícia em exercício, Robert Contee.

Em dezembro, uma manifestação pró-Trump terminou em violência na capital americana quando centenas de apoiadores de Trump, vestindo o preto e amarelo característicos da facção Proud Boys, buscaram confrontos com um coletivo de ativistas locais que tentavam expulsá-los do Black Lives Matter Plaza, uma área próxima da Casa Branca. /AFP e AP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.