Scott Applewhite / POOL
Scott Applewhite / POOL

Trump anuncia primeiras medidas de sua gestão

De pedido de criação do Dia Nacional do Patriotismo a 'comprometimento em eliminar políticas nocivas e desnecessárias, como o Plano de Ação Climática'

O Estado de S.Paulo

20 Janeiro 2017 | 19h49

Logo após a cerimônia de posse, na tarde desta sexta-feira, 20, o novo presidente dos Estados Unidos já tomou as primeiras medidas da nova gestão. Porta voz de Donald Trump anunciou que indicações para cargos já foram enviados ao Senado para aprovação, além do pedido de criação de um dia nacional do patriotismo. 

Sem perder tempo e procurando ao máximo se diferenciar do democrata, minutos após a posse, o site da Casa Branca soltou um comunicado informando que Trump está empenhado em eliminar o Plano de Ação Climática do ex-presidente, Barack Obama, e outras medidas ambientais. Durante a campanha, Trump chegou a afirmar que tiraria o país do Acordo de Paris, que estabelece esforços mundiais contra o problema e conta com 196 países.

"O presidente Trump está comprometido com a eliminação de políticas nocivas e desnecessárias, como o Plano de Ação Climática. Retirar essas restrições ajudará muito os trabalhadores americanos, aumentando os salários em mais de 30 bilhões de dólares nos próximos 7 anos", informou a nota.

Outro comunicado publicado no site diz que o presidente republicano quer desenvolver um sistema de defesa antimísseis para proteção contra ataques do Irã e Coreia do Norte. 

Nas primeiras horas no comando do país, Trump já assinou uma lei para permitir que o indicado como secretário de Defesa dos EUA, James Mattis, um general reformado do Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA, assuma o cargo./ Reuters

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.