GOP.COM
GOP.COM

Trump lança petição contra protesto de jogadores da NFL durante hino nacional

Iniciativa, publicada no site oficial do Partido Republicano, pretende estabelecer 'lista de defensores que apoiam o hino nacional' e foi idealizada depois de comissário da NFL rejeitar o pedido do presidente para punir atletas que se ajoelharem

O Estado de S.Paulo

20 Outubro 2017 | 15h13

WASHINGTON - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, aumentou a pressão contra a Liga Nacional de Futebol Americano (NFL) pelos protestos de seus jogadores durante o hino nacional, lançando uma petição e pedindo que seus defensores mostrem seu patriotismo apoiando a iniciativa.

Perfil: O purgatório do mentor de protestos dos jogadores americanos

A medida veio depois que o comissário da NFL, Roger Goodell, rejeitou nessa semana os pedidos de Trump para punir os jogadores que se ajoelhassem durante o hino para protestar contra o racismo. Trump disse que os protestos são antipatrióticos e desrespeitosos para com veteranos militares.

“O presidente pediu por uma lista de defensores que apoiam o hino nacional. Adicione o seu nome abaixo para mostrar seu patriotismo e apoio”, diz a petição divulgada na quinta-feira pela Trump Make America Great Again Committee, uma organização de arrecadação de fundos para Trump e para o vice-presidente Mike Pence.

A petição, publicada no site oficial do Partido Republicano, não indica, porém, quantas assinaturas foram recebidas até o momento.

Jogadores estão se ajoelhando durante o hino dos Estados Unidos para protestar contra a morte de homens e meninos negros não armados por policiais pelo país, assim como contra as disparidades raciais no sistema de Justiça criminal americano. Mais da metade de todos os jogadores da NFL são negros. / REUTERS

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.