AFP PHOTO / Leila MACOR
AFP PHOTO / Leila MACOR

Trump teria decidido acabar com programa que protege menores de deportação

Site especializado 'Politico' afirma que presidente americano definiu sua posição e seus conselheiros preparam o fim do programa conhecido como Daca (Ação Diferida para a Chegada de Crianças); anúncio deve ser feito na terça-feira

O Estado de S.Paulo

04 Setembro 2017 | 09h23

WASHINGTON - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, decidiu encerrar o programa que protege da deportação centenas de milhares de jovens sem documentos, conhecidos como "dreamers", informou o site especializado Politico.

De acordo com o portal de notícias, o presidente planeja dar tempo ao Congresso para criar um plano de substituição ao programa conhecido como Daca (Ação Diferida para a Chegada de Crianças, em tradução livre).

Trump deve anunciar sua decisão sobre o Daca na terça-feira, mas de acordo com o Politico ele já definiu sua posição e seus conselheiros se reuniram no domingo na Casa Branca para planejar o fim do programa

O Daca foi criado por decreto em junho de 2012 pelo então presidente Barack Obama para proteger da deportação 800.000 jovens que chegaram ao país ilegalmente quando eram menores de idade, conhecidos como "dreamers" (sonhadores).

Apoiado por congressistas democratas e vários republicanos, o programa deu aos jovens permissões de trabalho e, na maioria dos Estados, também uma carteira de motorista.

O jornal New York Times informou que Trump examinava seriamente um plano para acabar com o Daca após a prorrogação por seis meses, mas fontes do governo afirmaram que o presidente ainda poderia mudar de ideia. / AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.