Efe
Efe

Tufão afeta Xangai e se dirige para o nordeste da China

Um tufão derrubou linhas de transmissão e outdoors neste domingo em Xangai, na China, e se dirigia a uma cidade portuária no nordeste do país, onde praias foram fechadas e proteções foram erguidas com sacos de areia.

AE, Agência Estado

07 de agosto de 2011 | 14h51

O tufão Muifa deve atingir a cidade de Qingdao na segunda-feira pela manhã, na forma de tempestade tropical. Cerca de 600 mil pessoas receberam ordens para evacuar a região, e aproximadamente 20 mil barcos de pesca terão de voltar aos portos. Alguns foram retirados da água por questões de segurança.

Segundo a rede de TV Shanghai Television, ventos fortes causaram estragos em Xangai e um banhista de 24 anos está desaparecido. Centenas de voos foram cancelados no leste da China e serviços de trens e ônibus enfrentavam problemas.

Na Coreia do Sul, autoridades emitiram alerta de maremoto e inundação para as costas sul e oeste, e disseram que os ventos fortes podem causar estragos durante a noite em partes centrais do país, incluindo a capital, Seul.

Na semana passada, o tufão Muifa causou quatro mortes nas Filipinas e quedas de energia na ilha de Okinawa, no Japão. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
ChinatufãoXangai

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.