Tufão nas Filipinas causa morte de ao menos 3 pessoas

O tufão Hagupit deixou ao menos três mortos e fez com que cerca de 900.000 se dirigissem para abrigos, nas Filipinas, antes de enfraquecer neste domingo.

ASSOCIATED PRESS, Estadão Conteúdo

07 de dezembro de 2014 | 13h09

Enchentes rasas, barracos danificados e lojas roubadas eram comuns nos cenários da região, mas não houve uma devastação mais grave.

O tufão apresentava ventos máximos sustentados de 140 quilômetros por hora e rajadas de 170 km/hora neste domingo, mostrando-se consideravelmente mais fraco na comparação com pico registrado. No entanto, o tufão segue potencialmente letal, de acordo com as previsões.

O tufão, que causou deslizamento de terra na região leste de Samar no sábado à noite, estava se movendo vagarosamente e causando fortes chuvas que podem possivelmente provocar desmoronamentos e enchentes.

Mais conteúdo sobre:
FILIPINASTUFÃO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.