Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Tufão Parma deixa 17 mortos nas Filipinas

Tormenta é a pior que passou pelo país desde 2006 e vai em direção a Taiwan

Reuters,

04 de outubro de 2009 | 11h50

O tufão Parma saiu pelo oceano neste domingo depois de atingir a região noroeste das Filipinas, deixando 17 pessoas mortas. O tufão, o mais poderoso que ameaçou o país desde 2006, deixou para trás prejuízos e inundações, embora os danos tenham sido menores do que os imaginados.

"A destruição de nossa infraestrutura e agricultura é grande", afirmou Alvaro Antonio, governador da província do norte Cagayan, que foi a mais atingida.

Após a passagem pelas Filipinas, o tufão seguiu para Taiwan, onde autoridades emitiram um sinal de alerta aos marinheiros da área, uma vez que provavelmente o Parma atingirá as águas do país. A tormenta, entretanto, se enfraqueceu e agora tem ventos máximos de 120 km/h.

Tudo o que sabemos sobre:
Filipinastufãotempestadechuvasclima

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.