Túmulos judaicos são profanados no norte da França

Cinqüenta e três túmulos do setor judaico docemitério de Lille foram profanados, informou neste domingo a Prefeitura da cidade, que classificou os fatos de "ato anti-semita infame". Os autores da profanação dos túmulos, que aconteceu na noite de sábado para domingo, levantaram as lápides e quebraram uma delas, segundo as autoridades municipais de Lille, cidade localizada do norte da França. Em mensagem a Jean-Claude Komar, ao líder da comunidade judaica de Lille, o presidente da França, Jacques Chirac, condenou da forma "mais solene" esse "ato inqualificável e intolerável". Chirac disse que pediu ao governo que ponha em andamento todos os meios necessários para "encontrar os autores desta infâmia a fim de que eles sejam severamente castigados". O Conselho Representativo das Instituições Judaicas da França (Crif) classificou a profanação como um "ato odioso" cometido na "véspera"da Páscoa judaica (Pessach), que começa amanhã. Em sua nota, o Crif pediu às autoridades que detenham os autores e os condenem a "sentenças exemplares".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.