AFP PHOTO/ Vigili del Fuoco
AFP PHOTO/ Vigili del Fuoco

Tumulto em boate na Itália deixa 6 mortos e dezenas de feridos

Jovens foram pisoteados ao tentar deixar casa noturna após correria provocada por disparo de spray de pimenta

O Estado de S.Paulo

08 Dezembro 2018 | 04h21

ROMA - Ao menos cinco adolescentes e uma mulher morreram na madrugada deste sábado, 8, após uma confusão na boate ‘Lanterna Azurra', na cidade de Corinaldo, na província italiana de Ancona. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o disparo de um spray de pimenta provocou uma correria no local.

Entre os mortos estão três meninas, dois meninos e uma mãe que acompanhava sua filha no show do rapper italiano Sfera Ebbasta. De acordo com as autoridades, das dezenas de pessoas feridas, 13 estão em estado grave. Pelo menos outras 60 vítimas sofreram ferimentos leves. 

Testemunhas relataram que começaram a correr depois de se assustarem ao sentirem um cheiro ácido e foram para as portas de emergência da boate, que estavam fechadas. Na tentativa de sair do local por uma das portas que conseguiram abrir, os jovens se amontoaram e caíram uns sobre os outros. Muitos acabaram pisoteados pelos demais.

Os feridos foram levados para hospitais próximos e os mais graves seguiram para Ancona, na região central de Marcas.

Os investigadores tentam descobrir o que provocou a correria e o motivo das portas de emergência não terem sido abertas, especialmente aquela onde se concentrava o maior número de jovens e onde foram encontrados os mortos.

De acordo com uma mensagem no Twitter do Corpo de Bombeiros, a correria aconteceu antes da 1h (22 horas da sexta-feira, 7, em Brasília). Nas imagens divulgadas pela corporação, dezenas de jovens são atendidos em uma estrada e alguns deles levados em macas.

Sfera Ebbasta, que fazia sua exibição no local, é um dos rappers mais famosos da Itália e considerado um ídolo dos adolescentes. \ EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.