Tumulto em festival religioso na Índia deixa 102 mortos

Um tumulto entre peregrinos que retornavam de um dos mais populares festivais hindus deixou pelo menos 102 mortos e 44 feridos. O incidente começou na noite de sexta-feira quando um jipe com peregrinos atropelou pessoas que voltavam de suas oferendas no templo de Sabarimala, no Estado de Kerala, por um estreito caminho na floresta, disse o representante da polícia local Sanjay Kumar. Alguns dos feridos estão em estado grave, acrescentou.

AE, Agência Estado

15 de janeiro de 2011 | 12h44

"Recuperamos 102 corpos e o trabalho de resgate está quase concluído", afirmou. A área estava tomada por peregrinos e o tumulto ocorreu cerca de 80 km a nordeste do templo, disse Kumar. O festival anual de dois meses atrai milhões de pessoas ao afastado templo da divindade hindu Ayyappan. A cerimônia de sexta-feira marcava o fim do festival e estimados 150 mil devotos caminhavam pelas trilhas das encostas densamente arborizadas onde o tumulto ocorreu, disse Thomas Isaac, ministro de Finanças do estado.

"As pessoas saíram correndo colina abaixo e vimos umas caindo sobre as outras e sendo pisoteadas. Tudo aconteceu em segundos", disse Manoj Kutty, 33, que voltava do templo de Sabarimala. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Índiatumultohindusreligioso

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.