Zoubeir Souissi/Reuters
Zoubeir Souissi/Reuters

Tunísia extraditará ex-premiê de Kadafi à Líbia

Al-Baghdadi al-Mahmoudi foi condenado por entrar ilegalmente no país vizinho durante levante popular

AE, Agência Estado

08 de novembro de 2011 | 15h51

TÚNIS - Um tribunal de apelações da Tunísia ordenou nesta terça-feira, 8, que o ex-primeiro-ministro líbio Al-Baghdadi al-Mahmoudi seja extraditado à Líbia. Al-Mahmoudi foi premiê do governo derrubado de Muamar Kadafi e foi condenado por ter entrado ilegalmente na Tunísia.

 

Veja também:

tabela HOTSITE: A Líbia pós-Muamar Kadafi 

 

As autoridades da Tunísia, com a extradição, atendem a um pedido formal feito pelo governo interino líbio.

 

Advogados de al-Mahmoudi pediram às autoridades tunisinas que não extraditem o ex-premiê à Líbia, onde segundo eles o político corre risco de morte por causa dos segredos que sabe a respeito das décadas do regime de Kadafi, derrubado e morto no mês passado.

 

Segundo os advogados, após a morte de Kadafi o ex-premiê passou a ser o único detentor dos segredos "sobre as relações entre o regime líbio e certas potências".

As informações são da Associated Press

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.