Tunísia recupera 27 corpos de mortos em naufrágio

Socorristas tunisianos encontraram os corpos de 27 imigrantes clandestinos após os botes onde viajavam, tentando cruzar o Mediterrâneo, afundaram. A agência de notícias do governo tunisiano, TAP, disse que as vítimas tentaram deixar a cidade de Sfax em dois botes, mas as embarcações não suportaram o tempo ruim no mar e não conseguiram comunicar à Marinha e aos socorristas quando começaram a afundar.

AE, Agência Estado

31 Março 2011 | 18h13

A agência informou que os imigrantes tinham entre 19 e 43 anos. Ondas de imigrantes tentam deixar a Tunísia, desde que o presidente Zine El Abidine Ben Ali foi derrubado pela revolução em 15 de janeiro. Milhares conseguiram desembarcar na ilha italiana de Lampedusa, que não fica longe da costa tunisina. As informações são da Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Tunísia mortos imigrantes

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.