Turista tenta ir a Sydney, Austrália, e acaba em Sidney, EUA

Um turista alemão de 21 anos que queria visitar sua namorada na cidade australiana de Sydney aterrissou a 13 mil quilômetros dali, em Sidney, Montana, depois de se confundir ao selecionar o destino em sua reserva na internet. De camiseta e calças curtas, preparado para o verão australiano, Tobi Gutt partiu da Alemanha no sábado para uma viagem de quatro semanas. Mas, em vez de chegar na Austrália, Gutt desceu em um continente diferente, no gelado Estado de Montana, Estados Unidos. "Tive minhas dúvidas, mas não quis dizer nada", disse Gutt ao jornal Bild. "Perguntei a mim mesmo se era possível voar à Austrália passando pelos Estados Unidos." O tíquete aéreo de Gutt o obrigava a fazer escala na cidade norte-americana de Portland, em Oregon, e logo depois seguir para Billings, em Montana. Apenas quando ia embarcar para o vôo até Sidney, uma região petroleira de 5 mil habitantes, ele se deu conta do erro. O turista passou três dias no aeroporto de Billings antes de poder comprar um novo bilhete para a Austrália com os 600 euros que seus amigos e parentes o enviaram da Alemanha. "Não me dei conta do erro porque meu filho normalmente é muito bom com os computadores", disse sua mãe Sabine.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.