Osman Orsal/Reuters
Osman Orsal/Reuters

Turquia diz que Síria derrubou seu avião militar

Ação deve piorar a relação entre os dois países

AE, Agência Estado

22 de junho de 2012 | 18h57

ANCARA, TURQUIA - A Turquia informou que seu avião militar que desapareceu no mar Mediterrâneo foi derrubado pela Síria, numa ação que deve piorar as já agravadas relações entre os países vizinhos.

Veja também:

link Cruz Vermelha deixa Homs e suspende plano de retirar civis

link Annan alerta para um conflito regional do Oriente Médio

Comunicado divulgado após duas horas de reunião emergencial de segurança, comandada pelo primeiro-ministro Recep Tayyip Erdogan, disse que o avião que desapareceu perto do território sírio na manhã desta sexta-feira foi derrubado pelas forças sírias e que os dois pilotos turcos continuam desaparecidos. O documento diz que "as medidas necessárias serão determinados" em resposta ao ataque, assim que detalhes sofre o incidente forem confirmados.

O governo da Turquia disse que embarcações turcas e sírias continuam a procurar o avião desaparecido, que caiu na costa sudeste do país, perto da fronteira entre Turquia e Síria.

O governo sírio não comentou o incidente. Turquia e Síria, que compartilham uma fronteira de quase 1.000 quilômetros, eram aliados próximos até que o presidente sírio Bashar Assad recusou o pedido turco para encerrar a repressão militar contra os opositores de seu regime.

As informações são da Associated Press e da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.