Turquia: inundações deixam 42 mortos e sete desaparecidos

Já chegam a 42 as mortes na Turquia devido às inundações causadas pelas chuvas nas províncias do sudeste, onde também desapareceram sete pessoas, informou nesta sexta-feira o jornal turco "Hurriyet". Em algumas áreas os rios transbordaram e alagaram as ruas, com as águas subindo até um metro. A energia elétrica foi cortada. A rede de televisão "NTV" informou que dezenas de pessoas esperam para serem resgatadas nos telhados de suas casas. Mas o aumento do nível da água dificulta as tarefas de socorro. As chuvas e inundações também afetaram o oeste do país, especialmente Istambul, a região turística de Antalya e a província de Mersin, onde a água invadiu diversas casas, mas não houve mortes. Os "centros de crise" nas províncias afetadas coordenam as operações de resgate e avaliam os danos materiais.

Agencia Estado,

03 Novembro 2006 | 06h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.