Turquia manda hidroavião para ajudar a apagar incêndios

Ventos de 60 quilômetros por hora de ar seco ajudam a espalhar ainda mais as chamas para outros pontos

Efe,

24 de agosto de 2009 | 06h15

Turquia enviou para a vizinha Grécia, um hidroavião para ajudar a apagar o fogo que atinge as matas ao redor de Atenas. A assistência de Ancara se une às de Paris, Roma e Nicósia, que já contribuíram para os esforços contra o fogo.

 

As chamas continuam a consumir pelo quarto dia consecutivo uma região de mata a nordeste de Atenas. Mais de 15.000 hectares de florestas foram destruídos pelo incêndio.

 

Os moradores das cidades de Maratona, Antusa, Pireu, Dionísio e Rodopolis passaram a noite de prontidão com receio de que as suas casas pudessem ser atingidas.

 

Doze aeronaves, incluindo três em França e na Itália, quatro helicópteros e cerca de 900 bombeiros lutam contra as chamas. Os bombeiros esperam que nesta quarta-feira, 24, melhorem as condições de combate.

 

As rajadas de ventos de cerca de 60 quilômetros por hora ajudam a espalhar as chamas. São pelo menos sete focos ativos de fogo existentes nas proximidades do monte Pendelis.

Tudo o que sabemos sobre:
Gréciaincêndio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.