Turquia nega que EUA pediram uso de solo para atacar Iraque

O governo da Turquia desmentiu nesta terça-feira notícia divulgada pela rede CNN de que os EUA pediram ouso de seu território e de bases americanas para um possívelataque contra o Iraque, informou a agência local Anadou. A CNN destacou que uma delegação do Departamento de Defesa(Pentágono), encabeçada pelo general Tommy Franks, chefe doComando Central da forças dos EUA na região, viajousegunda-feira para Ancara com essa finalidade. O respeitado colunista Sedat Ergin, do jornal turco Hurriyet,observou que uma invasão americana ao Iraque poderia aprofundara intervenção militar da Turquia no norte desse país, paraevitar que a minoria curda iraquiana estabeleça um Estadoindependente ou obtenha autonomia. Ergin prevê seis cenários, um dos quais levaria a Turquia atémesmo a um confronto com os EUA caso os curdos entrem na lutacontra Saddam Hussein, sob proteção dos americanos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.